Publicidade

Publicidade

Publicidade

quinta-feira, 4 de julho de 2024

Bandeira de energia será amarela em julho; confira dicas de economia

 


Após mais de dois anos com a bandeira verde, a mudança ocorre devido a condições menos favoráveis para a geração de energia no país.

Com a bandeira amarela, as tarifas dos consumidores aumentarão R$ 1,885 a cada 100 kWh consumidos.

Esse valor foi ajustado pela Aneel em março deste ano, reduzindo a tarifa da bandeira amarela de R$ 2,989/kWh para R$ 1,885/kWh.

A Aneel informou que a adoção da bandeira amarela deve-se à previsão de chuvas abaixo da média até o final do ano e ao esperado aumento da carga e consumo de energia no mesmo período.

A Neoenergia Coelba recomenda aos consumidores a adoção de práticas eficientes no uso da energia para mitigar o impacto do aumento tarifário. A seguir, veja algumas dicas práticas:

Ar-condicionado e ventilador

  • Temperatura Ideal: Mantenha a temperatura do ar-condicionado entre 23°C e 25°C. Programe o desligamento automático durante a madrugada.
  • Tecnologia Inverter: Considere adquirir aparelhos com tecnologia Inverter, que utilizam o compressor de forma mais eficiente.
  • Manutenção: Certifique-se de que a manutenção está em dia e limpe os filtros e saídas de ar a cada duas semanas.
  • Modelos Split: Opte por modelos Split com tecnologia Inverter, que são até 60% mais econômicos. Instale-os no alto e paralelos ao maior lado do cômodo.
  • Ventiladores de teto: Após refrigerar o ambiente, use ventiladores de teto para manter a temperatura. Lembre-se que maior velocidade significa maior consumo.

Chuveiro elétrico

  • Modo Verão: Utilize o chuveiro na opção verão, que consome até 30% menos energia.
  • Banhos rápidos: Tome banhos curtos e desligue a água ao se ensaboar.
  • Segurança: Use resistências originais para evitar danos e riscos. Considere trocar para um aquecedor solar térmico.

Geladeiras

  • Vedação: Verifique a borracha de vedação regularmente.
  • Alimentos quentes: Evite colocar alimentos quentes na geladeira.
  • Posicionamento: Mantenha a geladeira a pelo menos 10 cm de distância da parede para evitar superaquecimento.
  • Uso consciente: Abra a geladeira apenas quando necessário.

Iluminação natural e uso de LED

  • Aproveite a luz natural: Mantenha janelas e cortinas abertas durante o dia.
  • Cores claras: Pinte as paredes com cores claras para refletir melhor a luz.
  • Lâmpadas de LED: Use lâmpadas de LED, que são cerca de 40% mais econômicas e duram até 25 mil horas. Além de gerar economia, elas têm menor impacto ambiental por não conterem elementos tóxicos como mercúrio.

Adotar essas medidas pode ajudar a reduzir o consumo de energia e o impacto do aumento tarifário, contribuindo para um uso mais eficiente e sustentável dos recursos energéticos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário